Dia Internacional da Pessoa Idosa dá o mote para um mês cheio de atividade e muita animação sénior

O Dia Internacional da Pessoa Idosa que se assinala no próximo  1 de outubro,  dará o mote para um mês cheio de atividades especialmente dirigidas aos utentes dos  Centros Comunitários dos Bairros Coca Maravilhas e Cruz da Parteira e Centros de Convívio Sénior de Portimão  e da Aldeia das Sobreiras onde não faltam passeios, música, palestras e ações de sensibilização e muitos outros momentos que serão vividos em ambiente de grande animação e convívio.

 

O arranque do programa acontece no dia 3 de outubro, desde logo ao ritmo da acordeonista Fernanda Gonçalves e inspirado na temática da desfolhada, num baile a a ter lugar no Centro de Convívio da Aldeia das Sobreiras.

A partir de dia 4 e até 25 de outubro, na Casa Manuel Teixeira Gomes poderá ser apreciada a exposição “ Arte Sénior”, uma mostra de trabalhos manuais em tecido, materiais recicláveis, pintura e lavores realizados ao longo do ano pelos utentes do Centro Comunitário da Coca Maravilhas, da Cruz da Parteira, Centro de Convívio Sénior de Portimão e da Aldeia das Sobreiras e da Associação de Reformados do Pontal-Portimão e não só.

Ainda para o dia 4 está desde já agendada uma visita à Quinta Pedagógica de Portimão onde os séniores, para além de poderem observar os animais e acompanharem o dia a dia da Quinta, terão oportunidade de confecionar biscoitos e beber um chá de ervas colhidas por estes ao longo da visita.

No dia 13 de outubro é tempo de rumar até à capital e visitar o Palácio da Pena em Sintra e fazer numa viagem no tempo, com lugares apenas reservados a utentes dos Centros de Convívio Sénior.
No dia 17 de outubro, o Centro de Convívio das Sobreiras será o local para uma palestra sobre alimentação saudável na terceira idade, enquanto que no dia seguinte, no Centro Comunitário da Cruz da Parteira tem lugar uma ação de sensibilização sobre a separação de resíduos e a importância da reciclagem, dinamizada pela EMARP.

Os dias 25, 26 e 27 de outubro serão dominados pela música com a atuação do grupo de cantares alentejanos da Associação Sénior Autodidata de Portimão ( dia 25) e os sons dos cavaquinhos da Casa das Artes (dia 26) no Centro de Convívio da Aldeia das Sobreiras, sendo que no Centro de Convívio Sénior de Portimão a acordeonista Fernanda Gonçalves volta a convidar a um pezinho de dança.


Centros de Convívio Sénior e Centros Comunitários nos Bairros Camarários são pontos de encontro e de atividade para os mais idosos

A propósito do Dia Internacioanal da Pessoa Idosa nunca é demais recordar que, o Centro de Convívio Sénior de Portimão e da Aldeia das Sobreiras, são duas importantes estruturas específicas de apoio à comunidade sénior do Município que dão uma resposta diária no combate ao isolamento social.

O Centro de Convívio da Aldeia das Sobreiras é frequentado diariamente por 25 seniores que aqui se encontram, almoçam e desenvolvem um programa de ocupação de tempos livres diário/ semanal que inclui informática, lavores, trabalhos manuais, teatro, grupo coral e outras atividades socioculturais, bem como acções de sensibilização e rastreios de tensão arterial.

O dia a dia do Centro de Convívio Sénior de Portimão é marcado pela realização de atividades regulares semanais como os rastreios de tensão arterial e controlo da glicémia que se realizam duas vezes por semana, chegando a atingir uma adesão de 40 a 60 pessoas, por tarde. As aulas de alfabetização e de informática são uma referência para os seus utentes que aqui têm também à disposição sessões de lavores e pintura de tecido, mas são os bailes que têm a maior popularidade, chegando a atingir a participação de cerca de 100 idosos. Outras atividades pontuais, nomeadamente, passeios culturais, visualização de filmes no cinema e caminhadas fazem parte da agenda dos utentes.

O Centro Comunitário da Coca Maravilhas e da Cruz da Parteira são estruturas de apoio criadas no âmbito do Programa de Gestão Integrada de Bairros Municipais, que a Autarquia preconiza desde 2000 com vista à dinamização do trabalho comunitário, através da promoção de várias atividades lúdicas e sociopedagógicas adequadas às características dos diferentes Bairros e seus moradores, nomeadamente junto da população mais envelhecida.

No Bairro Pontal, a autarquia conta ainda com a colaboração da Associação de Reformados do Pontal e Não Só no desenvolvimento do trabalho comunitário nesse bairro, com especial enfase para a dinamização de atividades culturais, lúdicas e pedagógicas destinadas maioritariamente à população sénior.


Destaque também para as várias instituições locais que, com o apoio camarário, realizam um importante trabalho em prol dos seniores, nomeadamente o Centro de Apoio a Idosos de Portimão, as Santas Casas da Misericórdia de Portimão, Alvor e Mexilhoeira Grande, o Lar Esperança, a Associação de Reformados do Pontal e Não Só, a Associação Sénior e Autodidata de Portimão, o Centro Paroquial da Mexilhoeira Grande e a Aldeia de S. José de Alcalar.