• Oficina das Profissões

    Notícias

    Oficina das Profissões

    Ler mais

  • Mês do Azulejo

    A não perder

    Mês do Azulejo

    Ler mais

  • Rota do Petisco

    A não perder

    Rota do Petisco

    Ler mais

  • A não perder

    Sem Retorno, de Ana Alberto e Thora Jorge

    19 outubro

    Sem retorno é uma reflexão sobre o estado de espírito, personalidade e introspeção acerca dos mundos vivenciados por esta personagem desenvolvida sob o olhar contemporâneo das autoras.

  • A não perder

    XXI Subida Internacional do Rio Arade

    21 de outubro

    XXI Subida Internacional do Rio Arade - Canoagem

  • A não perder

    Hugo Sousa - Maturado

    20 outubro

    "Maturado" é o novo espectáculo de stand-up comedy de Hugo Sousa, escrito e interpretado pelo próprio. O comediante vai percorrer o país de norte a sul para abordar temas relacionados com a sua vida pessoal, viagens e contar histórias com pormenores que não vão deixar a sua mãe orgulhosa.

  • A não perder

    Mês do Azulejo

    outubro

    Durante este mês não perca as atividades programadas no âmbito da iniciativa nacional "Mês do Azulejo"

  • A não perder

    Ateliers na Quinta Pedagógica de Portimão

    Outubro

    Visite este equipamento em família e divirta-se com os mais novos nos ateliers temáticos. Sempre ao sábado, às 11h00.

  • A não perder

    Ateliêr Grandes e Pequenos “FLICTS" de Ziraldo

    20 outubro

    No próximo sábado, dia 20 de outubro, pelas 16h00, a Biblioteca Municipal recebe o Ateliê “Grandes e Pequenos” com o livro "FLICTS" de Ziraldo Alves Pinto. O público-alvo são crianças dos 4 aos 10 anos, sempre acompanhadas de adultos.

  • A não perder

    Apresentação do livro “A Mamã Está Triste"

    27 outubro

    A obra "A Mamã Está Triste" - Como explicar a depressão parental a uma criança, de Carla Isabel Vicente e Margarida Caria foi a concretização de um sonho o lançamento deste livro.

  • A não perder

    Festival de Órgão do Algarve

    3 e 9 de novembro

    A Associação Cultural Música XXI organiza a 11ª edição do Festival de Órgão do Algarve, que percorre os concelhos de Faro, Portimão, Loulé e Tavira. São 13 concertos distribuídos por várias igrejas da região, a realizar entre 2 e 30 de novembro.

  • Publicações

    Outubro na Casa Manuel Teixeira Gomes

    Outubro na Casa Manuel Teixeira Gomes

    Não deixe de visitar as exposições disponíveis na Casa Manuel Teixeira Gomes, com entrada livre e ouvir boa músic às quintas-feiras.

  • A não perder

    Escola de Música da Sociedade Filarmónica Portimonense

    setembro e outubro

    Escola de Música da Sociedade Filarmónica Portimonense já tem inscrições abertas e gratuitas.

  • A não perder

    Exposição de Trabalhos Manuais "Gerações"

    Exposição na Casa Manuel Teixeira Gomes

    Ao longo do ano civil os centros vão fazendo algumas peças para enxoval de recém nascidos a fim de entregar na época natalícia a instituições ou à própria Maternidade do Hospital do Barlavento Algarvio.

  • A não perder

    Exposição de Pintura "Sentada no Arade" de Dália Cordeiro

    Exposição na Casa Manuel Teixeira Gomes

    A artista dedicou parte da sua vida ao ensino, na área das artes visuais Fez diversas exposições individuais e coletivas, salientando a Coletiva de Arte Contemporânea “Paratissima” Lisboa; a Individual no Museu Municipal de Faro; Arte Para 4, Galeria Sala Aires, Córdoba e Coletiva, Museu José Malhoa, Caldas da Rainha.

  • A não perder

    A Casa (Con) Vida às quintas...

    Casa (Con) vida às quintas...

    Provida dos equipamentos necessários à concretização de eventos culturais, formações, exposições e outras atividades de interesse geral, a Casa Manuel Teixeira Gomes é um espaço que visa acolher da melhor forma quem a visita.

  • A Não Perder

    Oferta Pavilhão Gimnodesportivo Portimão

    Renovações e Novas Inscrições a partir do dia 3 de setembro

    Não perca a época desportiva de 2018/2019, consulte o programa e inscreva-se!

  • Sem Retorno, de Ana Alberto e Thora Jorge
  • XXI Subida Internacional do Rio Arade
  • Hugo Sousa - Maturado
  • Mês do Azulejo
  • Ateliers na Quinta Pedagógica de Portimão
  • Ateliêr Grandes e Pequenos “FLICTS
  • Apresentação do livro “A Mamã Está Triste
  • Festival de Órgão do Algarve
  • Outubro na Casa Manuel Teixeira Gomes
  • Escola de Música da Sociedade Filarmónica Portimonense
  • Exposição de Trabalhos Manuais
  • Exposição de Pintura
  • A Casa (Con) Vida às quintas...
  • Oferta Pavilhão Gimnodesportivo Portimão

A 6ª edição da iniciativa “A nossa cultura sai à rua” traz à freguesia da Mexilhoeira Grande dois dias de memórias, saberes e sabores

Nos dias 22 e 23 de setembro realiza-se o evento integrado nas Jornadas Europeias do Património 2018, este ano subordinadas à temática “Partilhar Memórias” - “Mexilhoeira Grande - A nossa cultura sai à rua”. Na sua 6.ª edição é o primeiro ano que a iniciativa, organizada pela Câmara Municipal de Portimão, Museu de Portimão e pela Junta de Freguesia da Mexilhoeira Grande, decorrerá durante dois dias no Adro da Igreja Matriz da freguesia.

No dia 22 de setembro, sábado, o programa tem início às 9h30 com um passeio pelo património natural e vida selvagem da ria de Alvor, organizado pela Associação Ambiental “A ROCHA” e pela Divisão de Ambiente da Câmara Municipal de Portimão. Os interessados em integrar esta iniciativa, gratuita, que terminará pelas 12h00, deverão inscrever-se através do endereço de email Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ou do telefone 282 480 452 e caso queiram usufruir do transporte disponibilizado pela Junta de Freguesia da Mexilhoeira Grande, marcar presença junto ao edifício desta, às 9h00.

Às 14h30 inicia à festa no adro da igreja matriz com a mostra de artes, saberes e produtos da Mexilhoeira Grande - A gastronomia com a confeção do pão em forno de lenha, a doçaria local, o medronho, o mel, entre outros produtos; o artesanato com a empreita, cestaria em vime, cortiça, cadeiras de atabua e rendas; a agricultura e o marisqueio; e as crenças com mezinhas e rezas. Na mostra surgem ainda pequenos espaços expositivos dedicados às memórias e vivências da terra, este ano com um quarto tradicional recriado pela associação cultural, social e ambiental “Grão de Areia” e um espaço de representação de algumas atividades de cariz agrícola e rural.

A parte da tarde será animada com a partilha das histórias ligadas aos saberes contadas pelos próprios protagonistas das principais atividades de cariz “tradicional” rural da freguesia e pela realização de um Peddy Paper, marcado para as 16h00, que permitirá aos participantes partir à descoberta das histórias e memórias que as ruas da Mexilhoeira têm para contar. As inscrições realizam-se no próprio dia e os primeiros, segundos e terceiros classificados terão direito a prémios.

A animação musical, que contará com a participação do Rancho Folclórico da Figueira, do Grupo de Amigos da Figueira, do Grupo de Cantares Mexilhoeirense, concertinistas e grupo de baile, terá lugar pelas 16h30.

Os workshops, as oficinas e os ateliers também integram o programa desta iniciativa e às 17h30 os visitantes podem aprender mais sobre a arte da empreita ou até mesmo participar na construção de um carrinho de rolamentos ao vivo, que decorrerá durante toda a tarde. Ateliers de amassar pão e de agricultura ou oficinas de construções de terra, como a taipa, pintura de cerâmica com pigmentos e trabalho em barro também fazem parte da lista de atividades em que os visitantes poderão participar.
Os jogos tradicionais voltam a convidar as famílias a jogar à macaca, ao pião, ao berlinde, ao jogo do burro ou ao lencinho da botica e na área dedicada ao património natural da Mexilhoeira será possível participar nos jogos ambientais e ficar a conhecer melhor a fauna e flora da freguesia. Este núcleo será dinamizado pela associação “A Rocha” em colaboração com o biólogo do Município de Portimão.

Das 19h30 às 20h00, no âmbito da partilha de memórias e histórias sobre a vila, será projetado o filme “Mexilhoeira Grande – Anos 60”, realizado por Joaquim Gorgulho Silva, natural da Mexilhoeira Grande, a que se seguirá, às 21h30, um dos momentos altos do dia, a recriação da tradição da festa da descasca do milho e debulha, que decorrerá ao som de concertinas mexilhoeirenses. O certame encerra às 23h00.

No dia 23 de Setembro a mostra de artes e saberes tem abertura marcada para as 14h30 e o Museu de Portimão apoia o Clube de Instrução e Recreio Mexilhoeirense na promoção da 2.ª Grande Corrida de Carrinhos de Rolamentos da Mexilhoeira Grande, que terá início às 15h00, com os treinos livres a realizarem-se a partir do 12h00.

Às 19h00 começa a animação musical que será da responsabilidade do grupo Generation XXI, seguida da sessão de entrega de prémios às 20h00 e às 21h00 os The Quest entrarão em palco para fechar a festa que terminará às 22h30.

Como tem vindo a ser habitual nas edições anteriores, o evento “A Nossa Cultura sai à Rua” conta com a parceria de associações locais como “Grão de Areia” e “A Rocha”, a Sociedade Recreativa Figueirense, o Clube de Instrução e Recreio Mexilhoeirense, a Paróquia da Nossa Senhora da Assunção da Mexilhoeira Grande, a Santa Casa da Misericórdia da Mexilhoeira Grande e o apoio de toda a comunidade, particulares e comerciantes, que se envolvem, participam e contribuem ativamente para o sucesso desta iniciativa.

PROGRAMA DISPONIVEL PARA DOWNLOAD AQUI

 

0
0
0
s2sdefault