• 357ª Feira de São Martinho

    A não perder

    357ª Feira de São Martinho

    Ler mais

  • I Jornadas Sociais de Portimão

    Notícias

    I Jornadas Sociais de Portimão

    Ler mais

  • IV Festival Internacional de Piano do Algarve

    A não perder

    IV Festival Internacional de Piano do Algarve

    Ler mais

  • A não perder

    357ª Feira de São Martinho

    8 a 17 de novembro

    Neste que é um dos polos incontornáveis de animação outonal no concelho, e que volta a ter lugar, como habitual, no Parque de Feiras e Exposições de Portimão, não vão faltar as tradicionais castanhas assadas, as farturas, as pipocas, o pão com chouriço e outros petiscos tentadores nos bares e tasquinhas existentes no recinto, assim como vários espaços de animação com jogos diversos, ‘carrinhos de choque’ e carrosséis, numa feira que promete fazer as delícias de miúdos e graúdos.

  • A não perder

    Teatro-documentário "Pelos que andam sobre as águas do mar"

    19 de novembro

    Inspirado na obra “Os Pescadores”, de Raul Brandão, no trabalho de investigação realizado nas comunidades piscatórias de Portimão, Nazaré, Sesimbra, Setúbal e Montijo, e na investigação antropológica de Vanessa Amorim, o projeto tem o Museu de Portimão como parceiro, conta com a participação das atrizes Ana Lúcia Palminha e Suzana Branco e é encenado por Miguel Jesus.

  • A não perder

    Histórias na Quinta

    23 de novembro

    Como novidade nos ateliês, a Quinta Pedagógica irá iniciar uma nova atividade de sábado, as “Histórias na Quinta”, onde a Biblioteca Municipal vem à Quinta ler histórias.

  • A não perder

    Ateliê Grandes e Pequenos "A fada Oriana” de Sophia de M. Breyner Andresen

    16 de novembro

    Em A Fada Oriana, encontramos o dom da proteção sobre os seres mais frágeis que vivem numa floresta, encontramos as tão humanas oscilações entre a solidariedade, o sentido da responsabilidade e o egoísmo e a vaidade. Encontramos, como é próprio de muitos contos tradicionais e para a infância, as peripécias de uma luta entre o bem e o mal.

  • A não perder

    Apresentação do livro “Crónicas ao correr do tempo” de João Miguel Cunha

    23 de novembro

    Desde jovem tem desenvolvido o gosto pela escrita. Os contactos com gente diferente, em terras diferentes, serviram de inspiração para passar ao papel uma série de crónicas, pequenas histórias e impressões de viagem que, agora, na serenidade da aposentadoria, editou no livro “Crónicas ao correr do Tempo”.

  • Notícias

    Programação Desportiva CED 2019 - Novembro

    1 a 30 novembro

    Conheça a programação do mês de novembro na CED 2019.

  • A Não Perder

    Exposição "João César, A Magia do Acordeão"

    Até 24 de novembro

    Uma homenagem da Câmara Municipal de Portimão e do Executivo da Junta de Freguesia de Portimão ao acordeonista portimonense, que começou a tocar aos 16 anos a solo, e também em conjuntos musicais por todo o país.

  • 357ª Feira de São Martinho
  • Teatro-documentário
  • Histórias na Quinta
  • Ateliê Grandes e Pequenos
  • Apresentação do livro “Crónicas ao correr do tempo” de João Miguel Cunha
  • Programação Desportiva CED 2019 - Novembro
  • Exposição

A partir desta quarta-feira, 7 de agosto, e até ao próximo domingo, dia 11, a sardinha assada volta a ser reinar na zona ribeirinha de Portimão, em cinco noites de boa comida e muita animação, numa festa de cariz popular que marca o Verão algarvio desde a década de 1980.

Para dar o mote a um dos mais famosos certames gastronómicos da região, teve lugar hoje de manhã uma recriação da descarga da sardinha que evocou as atividades ligadas à faina dos homens do mar e que atraiu alguns milhares de espetadores, muitos deles estrangeiros, tendo culminado numa sardinhada popular. Este programa integrou a emissão especial “Festa da Sardinha”, transmitida em direto de Portimão pela RTP 1 ao longo do dia.

O arranque do 25º Festival da Sardinha está marcado para as 18h30 de amanhã, 7 de agosto, decorrendo a abertura oficial no Jardim 1º de Dezembro, com animação musical e arruada até ao recinto do evento, a cargo da Banda da Sociedade Filarmónica Portimonense e da Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Portimão, a que se seguirá visita ao certame e jantar típico/sardinhada.

Até domingo, 11 de agosto, as rainhas da festa, acompanhadas com batata cozida e salada à algarvia, podem ser degustadas num dos restaurantes parceiros do festival- À Ravessa, Casa Bica, Dona Barca, Forte e Feio, O Meco, Peixarada, Retiro do Peixe Assado, Ú Venâncio e Zizá, com mais de dois mil lugares sentados

Uma das novidades desta edição é o facto de o recinto do Festival transitar para uma zona próxima do Clube Naval de Portimão, onde os grelhadores voltam a perfumar os ares com o característico aroma das sardinhas assadas na brasa, que poderão ser degustadas, no prato ou numa fatia de pão, nos pontos de venda a cargo das seguintes coletividades locais: Boa Esperança, Clube União, Gejupce e Alvorense. O ‘prato festival’ custará 8,50 euros, com cinco sardinhas assadas, pão, batata cozida e salada à algarvia, sem bebida. Estes quatro espaços assegurarão outras propostas e petiscos alternativos à sardinha, a par dos expositores de agroalimentar que tomam parte no evento.

MÚSICA E ANIMAÇÃO

No Palco Principal, que este ano será montado junto ao Clube Naval, irá dominar a boa música, sempre a partir das 22h00, com o seguinte alinhamento: 7 de agosto - Amor Electro; 8 de agosto - Bárbara Bandeira; 9 de agosto - Marco Rodrigues; 10 de agosto - C4 Pedro; 11 de agosto - Expensive Soul.

Mas toda a zona ribeirinha da cidade, entre o Museu de Portimão e a área entre pontes, estará repleta de outros motivos de interesse, do artesanato à doçaria, com muita animação de rua e música a cargo de bandas e artistas da terra, que atuarão no Jardim 1º de Dezembro (18h30 às 19h30), no Coreto da Praça Manuel Teixeira Gomes (19h30 às 20h30) e no Palco Sardinha, na zona de restauração (20h30 às 21h45).

Junto à antiga Lota de Portimão, o Petinga Park proporcionará, entre as 18h30 e as 24h00, um espaço inteiramente dedicado às famílias, com insufláveis e atividades diversas para todos, totalmente gratuitas, sem esquecer a roda gigante, com 38 metros de altura, que domina a paisagem.

Realce ainda para o facto de o Museu de Portimão adaptar o seu horário de funcionamento nas datas do festival, abrindo portas de quarta-feira a domingo entre as 15h00 e as 23h00, sendo que no último dia do Festival a entrada será livre das 15h00 às 19h00. De referir que a mostra “Passear pela História” será inaugurada às 19h00 de 10 de agosto na Praça Manuel Teixeira Gomes, onde ficará patente até 29 de setembro.

O Festival da Sardinha é uma organização da Câmara Municipal de Portimão, em parceria com a Administração dos Portos de Sines, Junta de Freguesia de Portimão, EMARP – Águas e Resíduos de Portimão, Algar e Zomato, tendo o patrocínio da Sagres, Delta Cafés e Socialgar Seguros, e o apoio do Turismo do Algarve, enquanto a Alvor FM será a rádio oficial.

 

PROGRAMA MUSICAL

 

Palco Principal (22h00)

Junto ao Clube Naval de Portimão

Dia 7 - Amor Electro

Dia 8 - Bárbara Bandeira

Dia 9 - Marco Rodrigues

Dia 10 - C4 Pedro

Dia 11 - Expensive Soul

 

Música no Jardim (18h30-19h30)

Jardim 1.º de Dezembro, em frente ao Teatro Municipal de Portimão

Dia 7 - Baterias, baixos e companhias, direção musical de Vasco Ramalho e Bruno Vítor

Dia 10 - Duo da Orquestra de Jazz do Algarve

Dia 11 - Agrupamento de Música de Câmara da Orquestra Clássica do Sul

 

Música no coreto (19h30-20h30)

Coreto da Praça Manuel Teixeira Gomes

(Iniciativa conjunta com a Junta de Freguesia de Portimão)

Dia 7 - Pinto & Vitor

Dia 8 - Vasco Ramalho Trio

Dia 9 - Renato Reis

Dia 10 - Laundge Sax

Dia 11 - Simple Song Band

 

Palco Sardinha (20h30-21h45)

Zona de restauração junto ao palco principal (recinto do Festival)

Dia 7 - Eduardo Viegas (música luso-brasileira)

Dia 8 - Brasa Doirada (grupo musical de cante alentejano)

Dia 9 - Os Compotas (groove e funk)

Dia 10 - João Leote (fado)

Dia 11 - Nuno Duarte (acordeão)

 

Toda a programação do 25º Festival da Sardinha de Portimão poderá ser consultada em www.festivaldasardinha.pt

 

 

 

0
0
0
s2sdefault