• Seminário EDUCAR...o Quê, Como e Onde?

    A Não Perder

    Seminário EDUCAR...o Quê, Como e Onde?

    Ler mais

  • Música p’ra nanar na Biblioteca

    A não perder

    Música p’ra nanar na Biblioteca

    Ler mais

  • Ilustres desconhecidos | Concerto para Piano de Joly Braga Santos

    A não perder

    Ilustres desconhecidos | Concerto para Piano de Joly Braga Santos

    Ler mais

  • A não perder

    Ateliêr Grandes e Pequenos “A última paragem" de Matt de la Peña

    18 de janeiro

    Esta viagem, cheia da energia de uma cidade movimentada, dá relevo a um olhar maravilhoso, que só pode ser partilhado entre avós e netos, ganhando vida através da escrita vibrante de Matt de la Peña e das ilustrações radiantes de Christian Robinson.

  • A não perder

    Músicas às Terças | Audições comentadas por João Miguel Cunha

    Janeiro a março 2020

    De forma a abordar temas que despertem o público para uma audição mais consciente da música, João Miguel Cunha propõe-se comentar semanalmente obras de grandes compositores, com o suporte de vídeo e áudio. Os assistentes serão exortados a colaborar, colocando perguntas ou expressando ideias ou emoções, no sentido de se criar uma verdadeira tertúlia.

  • A não perder

    Histórias na Quinta

    25 de janeiro

    Como novidade nos ateliês, a Quinta Pedagógica irá iniciar uma nova atividade de sábado, as “Histórias na Quinta”, onde a Biblioteca Municipal vem à Quinta ler histórias.

  • A não perder

    Clube de Escrita Criativa para Jovens

    24 janeiro, 21 fevereiro e 6 e 20 de março 2020

    Este clube de escrita criativa tem como objetivo fomentar desde cedo nos jovens o prazer pela escrita. Será um espaço de troca de experiências e criações literárias em que o gosto pela leitura será também bem marcado.

  • A não perder

    Exposição da 19ª Corrida Fotográfica de Portimão

    7 de dezembro a 12 de abril 2020

    A exposição dos trabalhos premiados da 19ª Corrida Fotográfica de Portimão, maior maratona fotográfica a sul do Tejo – bem como a entrega dos prémios aos vencedores, está marcada para sábado, dia 7 de dezembro, às 17h00, no Museu de Portimão e estará integrado no programa oficial das Comemorações do Dia da Cidade de Portimão.

  • A não perder

    Música p’ra nanar na Biblioteca

    8 fevereiro, 14 março, 23 maio e 13 junho

    Nestas sessões de música pretende-se proporcionar à criança momentos lúdicos que o irão preparar para futuramente entender melhor a música, expressando as suas próprias ideias musicais de forma autónoma e independente.

  • A não perder

    Exposição "Estuários" de Arlindo Arez

    Até 23 de fevereiro

    Nesta exposição, o público tem a oportunidade de experienciar o trabalho desenvolvido recentemente por Arlindo Arez, artista conterrâneo e contemporâneo, de reconhecimento internacional. O tema da exposição - ESTUÁRIOS - pretende enquadrar estes trabalhos, abstratos, por conceção, numa linhagem histórica de pintura de paisagem, reinterpretada, como é claro, num registo identificável numa corrente de Expressionismo Abstrato.

  • A não perder

    Em janeiro na Casa Manuel Teixeira Gomes

    11 a 31 de Janeiro

    Em janeiro assinala-se na Casa Manuel Teixeira Gomes o bicentenário do nascimento do Báb - uma das figuras centrais da Fé Bahá'í - que preparou o mundo para a vinda de Bahá'u'lláh, o prometido de todas as épocas. Em apenas 6 anos, o impacto que a Sua vida e obra geraram foi tal que, 200 anos depois, milhões de pessoas no mundo inteiro desejam celebrar e homenagear a Sua vida e Missão.|| Consulte também a restante programação.

  • A não perder

    Hora de Conto com Autores “A aventura da pulguinha Aurora”

    1 de fevereiro

    Aurora é uma pequena pulga que se perde dos seus pais e embarca numa aliciante aventura para encontrar o caminho de volta a casa. Junta-te a ela nesta viagem e ajuda-a a decifrar o enigma que a levará ao encontro da sua família.

  • Ateliêr Grandes e Pequenos “A última paragem
  • Músicas às Terças | Audições comentadas por João Miguel Cunha
  • Histórias na Quinta
  • Clube de Escrita Criativa para Jovens
  • Exposição da 19ª Corrida Fotográfica de Portimão
  • Música p’ra nanar na Biblioteca
  • Exposição
  • Em janeiro na Casa Manuel Teixeira Gomes
  • Hora de Conto com Autores “A aventura da pulguinha Aurora”

No dia 21 de setembro, das 9h30 às 23h00 realiza-se a 7ª edição da “Mexilhoeira Grande - A nossa cultura sai à rua, integrada nas Jornadas Europeias do Património 2019, este ano subordinadas ao tema “Artes Património Lazer”.

Este ano a iniciativa tem início às 9h30 com um Passeio pelo Património Natural e Vida Selvagem da Ria de Alvor, organizado pela Divisão de Ambiente da Câmara Municipal de Portimão. Com ponto de encontro às 9h30 na Espargueira – Quinta da Rocha (Ria de Alvor) ou às 9h10 na Junta de Freguesia da Mexilhoeira Grande, onde se disponibiliza transporte para o local. Os interessados em integrar este passeio gratuito, que terminará pelas 12h00, deverão inscrever-se através do endereço de email daes@cm-portimao ou através do telefone 282 470 452.

Das 10h00 às 11h00, “A Nossa Cultura sai à Rua”, associa-se à Cidade Europeia do Desporto com a realização de uma Aula de Yoga no Adro da Igreja da Mexilhoeira Grande. A atividade requer inscrição prévia através do contacto 282 405 232.

Às 16h30 inicia-se à festa no Adro da Igreja Matriz com a mostra de artes, saberes e produtos da Mexilhoeira Grande - A gastronomia com a confeção do pão em forno de lenha, a doçaria local, o medronho, o mel, entre outros produtos; o artesanato com a empreita, cestaria em vime, cortiça, cadeiras de atabua e rendas; a agricultura, pesca e o marisqueio; e as crenças com mezinhas e rezas. Na mostra surgem ainda pequenos espaços expositivos dedicados às memórias e vivências da terra, este ano com um quarto tradicional recriado pela associação cultural, social e ambiental “Grão de Areia” e um espaço de representação de algumas atividades de cariz agrícola e rural.

A parte da tarde será animada com a partilha das histórias ligadas aos saberes contadas pelos próprios protagonistas das principais atividades de cariz rural da freguesia.

A animação musical que contará com a participação do Rancho Folclórico da Figueira, do Grupo de Amigos da Figueira, do Grupo de Cantares Mexilhoeirense, concertinistas e grupo de baile, terá início a partir das 17h30.

Os workshops, as oficinas e os ateliers também têm lugar na programação desta iniciativa e às 18h15, os visitantes podem aprender mais sobre a Arte dos Trapilhos. Este workshop está sujeito a inscrição prévia através do email Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. e do contacto telefónico 282 405 232. A inscrição para esta atividade também poderá realizada no próprio dia, no recinto da festa. Ateliers de amassar pão e de agricultura ou oficinas de construções de terra, como a taipa, pintura de cerâmica com pigmentos e trabalho em barro também integram a lista de atividades em que os visitantes poderão participar ao longo de toda a tarde.
Com a colaboração da empresa de turismo de natureza Burroville, regressam este ano os Passeios de Burro pelas ruas da Mexilhoeira para fazer as delícias dos mais pequenos. Os jogos tradicionais não poderiam faltar onde crianças e adultos se reunirão em torno de atividades como o jogo da macaca, o pião, o berlinde, o jogo do burro, ou o lencinho da botica. Na área dedicada ao património natural da Mexilhoeira será possível participar nos jogos ambientais e ficar a conhecer melhor a fauna e flora da freguesia. Este núcleo será dinamizado pelo biólogo do Município de Portimão, Filipe Bally Jorge.

Às 19h00 realizar-se-á uma visita guiada à Santa Casa da Misericórdia da Mexilhoeira Grande e às 21h30, um dos momentos altos do dia, a Recriação da tradição da festa da descasca do milho e debulha, que decorrerá ao som de concertinas mexilhoeirenses.

A terminar a festa, um momento em torno da riqueza do património oral, com os versos, histórias e anedotas de uma filha da terra, a D. Alzira Gonçalves e em seguida o já habitual conjunto de baile, com Paul (voz) e José Vicente (acordeão).

Este evento é organizado pela Câmara Municipal de Portimão, pelo Museu de Portimão e pela Junta de Freguesia da Mexilhoeira Grande e conta com a parceria de associações locais como “Grão de Areia” e “A Rocha”, a Sociedade Recreativa Figueirense, o Clube de Instrução e Recreio Mexilhoeirense, a Paróquia da Nossa Senhora da Assunção, da Mexilhoeira Grande, a Santa Casa da Misericórdia da Mexilhoeira Grande e o apoio de toda a comunidade, particulares e comerciantes, que se envolvem, participam e contribuiem ativamente para o sucesso desta iniciativa.

 PROGRAMA DISPONIVEL PARA DOWNLOAD AQUI

0
0
0
s2sdefault