• Campanha “Eu quero o meu Natal - Eu Escolho Cumprir”

    Notícias

    Campanha “Eu quero o meu Natal - Eu Escolho Cumprir”

    Ler mais

  • Portimão dá palco aos artistas locais

    Notícias

    Portimão dá palco aos artistas locais

    Ler mais

  • Município de Portimão disponibiliza à população 100 mil máscaras comunitárias

    Notícias

    Município de Portimão disponibiliza à população 100 mil máscaras comunitárias

    Ler mais

09.10.2020

Por ocasião do Dia Mundial da Saúde Mental, que se assinala a 10 de outubro, o Município de Portimão vai dinamizar uma conversa online sobre “Saúde mental em situação de sem abrigo”, no âmbito da dinâmica de trabalho do Núcleo de Planeamento e Intervenção Sem Abrigo (NPISA) da Rede Social de Portimão.

Esta iniciativa resulta do facto de a problemática das pessoas sem abrigo ser uma realidade premente no concelho e alvo de intervenção concertada, que se traduz no NPISA de Portimão. A conversa decorrerá online via Microsoft TEAMS, entre as 10h00 e as 12h00 da próxima segunda-feira, dia 12 de outubro, sendo dirigida a técnicos e público em geral, que se deverão inscrever através do email Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Participarão na conversa Ana Castro, presidente do conselho de administração do Centro Hospitalar Universitário do Algarve, Paula Domingos, assessora do Programa Nacional para a Saúde Mental da Direção Geral de Saúde, Sara Torres, assistente social e Sofia Oliveira, terapeuta ocupacional da Unidade Sócio Ocupacional Sorrir M da Casa do Povo de São Bartolomeu de Messines, que recentemente passou a ser uma das entidades integrantes da Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados, enquanto entidade prestadora de cuidados no âmbito da saúde mental.

SAÚDE MENTAL É PRIORITÁRIA

Desde a sua criação pela Federação Mundial para a Saúde Mental (FMSM) em 1992, o Dia Mundial da Saúde Mental pretende centrar a atenção pública no tema como uma causa comum a todos os povos, para além de limites nacionais, culturais, políticos ou socioeconómicos. Atualmente, também a Organização Mundial de Saúde considera a saúde mental uma prioridade, ocupando os lugares cimeiros nos desafios das ações a desenvolver.

Por seu turno, a prevalência de problemas de saúde mental na população sem abrigo é consistentemente verificada em diversos estudos, existindo na maioria dos indivíduos, pelo menos, uma patologia associada.

As condições de vida em que as pessoas em situação de sem abrigo se encontram precipitam ou exacerbam sintomas associados à doença mental, existindo estudos que mostram que esses cidadãos são significativamente mais propícios a apresentar internamentos psiquiátricos anteriores por problemas mentais e alcoolismo, e uma maior frequência de sintomas psicóticos.

NPISA DE PORTIMÃO POTENCIA SINERGIAS

O NPISA de Portimão, criado no dia 1 de julho de 2020, tem coordenação do Município de Portimão e decorre da Estratégia Nacional para a Integração das Pessoas em Situação de Sem Abrigo 2017-2023, que promove o desenvolvimento de uma intervenção concertada e integrada, contribuindo para o aproveitamento otimizado das potencialidades e sinergias complementares, com foco no indivíduo, na família e na comunidade.

Neste momento, é constituído pelo Município de Portimão, pelo Instituto da Segurança Social, pelo Centro Hospitalar Universitário do Algarve, pela Associação para o Planeamento da Família, pelo Grupo de Apoio aos Toxicodependentes, pelo Movimento de Apoio à Problemática da Sida, pela Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação de Portimão, pelo Instituto Português do Desporto e Juventude – Direção Regional do Algarve, pela Santa Casa da Misericórdia de Alvor, pela Santa Casa da Misericórdia da Mexilhoeira Grande e pela Santa Casa da Misericórdia de Portimão.