• III Triatlo de Portimão | Praia da Rocha

    A não perder

    III Triatlo de Portimão | Praia da Rocha

    Ler mais

  • Morte de um caixeiro viajante

    A não perder

    Morte de um caixeiro viajante

    Ler mais

  • Webinar “Dependências online em crianças/jovens

    A não perder

    Webinar “Dependências online em crianças/jovens

    Ler mais

02.04.2021

Na sequência do surto de Covid-19 relacionado com o setor da construção civil em Portimão, estão neste momento contabilizados 89 casos positivos (ativos), entre trabalhadores e coabitantes, os quais foram precocemente isolados, numa ação de antecipação levada a cabo pela Unidade de Saúde Pública de Portimão, com o apoio da Proteção Civil Municipal.

Segundo a Subcomissão Municipal Permanente de Proteção Civil - Covid-19, coordenada pela delegada de Saúde, logo que conhecido o potencial de desenvolvimento deste surto, iniciou-se em meados de março um plano de ação para resposta à previsível situação epidemiológica decorrente dos primeiros casos positivos detetados.

As causas deste surto estão relacionadas com práticas de comportamentos de risco, associados a falhas na utilização de equipamentos de proteção individual e a momentos sociais veemente desaconselhados neste período de exceção, sendo de notar que existem cerca de duas centenas de estaleiros ativos no concelho, onde operam dezenas de empresas de subempreiteiros que percorrem várias obras em poucos dias.

Numa operação musculada, coordenada pela Autoridade de Saúde local, com o apoio do Município de Portimão, através do seu Serviço Municipal de Proteção Civil, e em parceria com o ABC - Algarve Biomedical Center e a CVP - Cruz Vermelha Portuguesa, foi possível realizar até ao momento mais de 2.000 testes rápidos que identificaram precocemente 10 casos positivos, a que se junta o significativo esforço de testagem PCR que o Laboratório Regional de Saúde Pública – Dra. Laura Ayres dedicou ao concelho de Portimão, o que permitiu identificar e isolar, por antecipação, os casos positivos que no dia de hoje atingiram o número de 125 e coloca o concelho acima dos 240 casos/100.000 habitantes.

A este esforço coletivo juntou-se a ACT - Autoridade para as Condições de Trabalho e as forças de segurança, que logo desde o dia 18 de março constituíram equipas multidisciplinares (com elementos da ACT, Saúde Pública e Proteção Civil), as quais visitaram os principais estaleiros ativos em Portimão, abrangendo 60 empresas, onde foi possível uma equipa de enfermeiros do ACES Barlavento, com o apoio de técnicos dos Bombeiros de Portimão, realizar 475 colheitas de trabalhadores no local para teste PCR à Covid-19. Esta ação permitiu identificar precocemente os casos positivos e investigar os links epidemiológicos de forma fulminante.

Após uma primeira ação de testagem massiva de quatro dias no Portimão Arena, com testes rápidos adquiridos pelo Município ao ABC, detetaram-se seis casos positivos, a que se seguiram quatro ações de proximidade nas três freguesias do concelho, nomeadamente nas localidades da Figueira, Mexilhoeira Grande, Ladeira do Vau e Montes de Alvor, numa operação realizada pela CVP a pedido da Autoridade de Saúde, com a deteção de três casos positivos.

Na última semana, iniciou-se a testagem setorial que está a abranger a construção civil, mercados, serviços municipais, agentes de proteção civil, taxistas, padarias, empresas de apoio ao domicílio, segurança privada, pescadores, comércio e outros setores da comunidade que, ao longo dos próximos dias, continuarão a ser testados em massa, de forma metódica de acordo com o planeamento estabelecido.

Atualmente está a registar-se uma média de 20 novos casos por dia e, salvo raras exceções, já se encontram todos em isolamento profilático, por terem sido identificados como contacto de risco através dos inquéritos epidemiológicos realizados ininterruptamente em todos os dias, incluindo fins de semana e feriados, o que significa que as pessoas contaminadas ficam desde logo isoladas, quebrando-se assim as cadeias de contágio na comunidade.

Por outro lado, os testes rápidos aceleram o processo de identificação e isolamento, uma vez que a coordenação institucional e o sistema integrado estabelecido em Portimão desde março de 2020 permitem, em tempo recorde, partilhar qualquer resultado positivo através do Posto de Comando - Covid, com isolamento imediato e realização de teste PCR, tudo ao minuto.

Nos próximos dias, vai continuar a testagem e acompanhamento de proximidade da atividade nos estaleiros de obras, o mesmo sucedendo com as ações de sensibilização que têm vindo a ser feitas junto de estabelecimentos que estão a operar (supermercados, outras grandes superfícies comerciais e estabelecimentos de comércio), enquanto as forças de segurança controlarão as pessoas em isolamento.

Será igualmente mantido o reforço da monitorização, assim como da realização de inquéritos epidemiológicos, das vigilâncias de pessoas em isolamento e do acompanhamento da saúde escolar.