• Sardinha em Concertos

    Notícias

    Sardinha em Concertos

    Ler mais

  • Humor.PTM – Festival de Comédia de Portimão

    Notícias

    Humor.PTM – Festival de Comédia de Portimão

    Ler mais

  • Exposição fotográfica “De Polo a Polo”

    Notícias

    Exposição fotográfica “De Polo a Polo”

    Ler mais

21.07.2021

Nos dois últimos anos, o apoio ao associativismo portimonense ultrapassou os 2.740.000 euros.

Foi assinado ontem, 20 de julho, um conjunto alargado de contratos programa de funcionamento e/ou investimento entre o Município de Portimão e o movimento associativo local, num valor global de 975.130 euros, previamente aprovado em reunião de câmara no passado dia 7 de julho.

Os 96 contratos em causa, assinados online numa sessão que reuniu a presidente da Câmara Municipal de Portimão, Isilda Gomes, e os dirigentes associativos, visam contribuir para a normalidade possível, ainda em tempos de pandemia, do funcionamento das 89 agremiações contempladas, sete das quais com apoios em mais do que uma área.

A componente cultural conta com 41 contratos, a área desportiva tem 29 contratos e os restantes 26 contratos dizem respeito à componente social, os quais “representam contratos de esperança no futuro, quando a pandemia nos permitir regressar à normalidade, o que não será fácil, porque o grande objetivo da autarquia é que ninguém fique para trás”, assinalou Isilda Gomes durante a reunião virtual, quando recordou a assinatura, no ano passado, de contratos programa de funcionamento e de investimento, além dos contratos programa Covid 1, Covid 2 e Covid 3, “especialmente celebrados para que ninguém fechasse as portas.”

Na soma destes dois anos, através dos contratos programa de apoio ao funcionamento e investimento, o movimento associativo foi beneficiado com 634.770 euros na vertente do desporto, 286.216 euros na área social e 902.632 euros no setor da cultura, o que - somado aos apoios excecionais - perfaz 879.620 euros na vertente do desporto, 821.393 euros na área social e 1.041.802 euros no setor da cultura, num total global de 2.742.815 euros.

No que toca especificamente a 2021, para o funcionamento do movimento desportivo foram destinados 211.620 euros e 132 850 de investimento, enquanto na área social o funcionamento recebeu 111.550 euros e o investimento 32.410 euros, ao passo que na cultura foram destinados 200.670 euros ao funcionamento 286.030 euros ao investimento.

“Se for necessário, cá estaremos para, na medida das disponibilidades autárquicas, continuarmos a apoiar-vos para que possam abrir as portas rapidamente, de forma a mobilizar os associados e a recuperar a moral dos nossos concidadãos”, afirmou Isilda Gomes no final da sessão online, que justificou esta estratégia municipal “pelo reconhecimento do relevante papel do associativismo local, ao contribuir para o reforço dos elos que ligam os portimonenses entre si e à comunidade onde se inserem.”