• Concerto para Piano e Orquestra de Saint-Saëns

    A não perder

    Concerto para Piano e Orquestra de Saint-Saëns

    Ler mais

  • Seminário EDUCAR...o Quê, Como e Onde?

    A Não Perder

    Seminário EDUCAR...o Quê, Como e Onde?

    Ler mais

  • 4ª edição dos “ENTRELAÇADOS”

    Notícias

    4ª edição dos “ENTRELAÇADOS”

    Ler mais

  • A não perder

    Concerto para Piano e Orquestra de Saint-Saëns

    25 janeiro

    O pianista António Rosado interpretará o Concerto n.º 2 para Piano e Orquestra de Saint-Säens, um famoso ilustre desconhecido do público algarvio. A Orquestra Académica Metropolitana de Lisboa, sob a direção de Jean-Marc Burfin, acompanhará o solista neste concerto.

  • A não perder

    Seminário "Educar... o quê, como e onde?"

    30 janeiro

    Com o objetivo de perspetivar a inclusão e flexibilidade da escola enquanto promotora de melhores aprendizagens, a Câmara Municipal de Portimão organiza no dia 30 de janeiro o seminário “Educar… o quê, como e onde?”, que juntará no TEMPO – Teatro Municipal de Portimão alguns especialistas nacionais em diversos temas.

  • Notícias

    I Jornadas de Enfermagem de Cirurgia Colorrectal do Algarve

    30 e 31 janeiro

    Organizado pelo Grupo de Cirurgia Colorrectal da Unidade de Portimão do Centro Hospitalar Universitário do Algarve (CHUA) em parceria com consórcio Algarve Biomedical Center (ABC), e com o apoio da Câmara Municipal de Portimão, as I Jornadas de Enfermagem de Cirurgia Colorrectal do Algarve é um evento técnico-científico que irá reunir no auditório do Museu de Portimão dezenas de profissionais de enfermagem, promovendo a partilha de conhecimentos e experiências, nesta área específica.

  • Notícias

    4ª edição dos “ENTRELAÇADOS”

    7 a 16 de fevereiro

    A 4ª edição do “Entrelaçados - Festival de Dança Contemporânea” decorre de 07 a 16 de fevereiro de 2020, em Portimão, Lagos e Silves e trará consigo espetáculos de dança contemporânea, que contam com nomes como Miguel Ramalho, Gustavo Oliveira ou a Companhia de Dança de Almada, assim como performances de rua e de novo circo, uma exposição de fotografia sob o tema “Algarve, Dança e Arte” e uma prova de vinhos.

  • A não perder

    Música p’ra nanar na Biblioteca

    8 fevereiro, 14 março, 4 abril e 13 junho

    Nestas sessões de música pretende-se proporcionar à criança momentos lúdicos que o irão preparar para futuramente entender melhor a música, expressando as suas próprias ideias musicais de forma autónoma e independente.

  • A não perder

    Clube de Escrita Criativa para Jovens

    24 janeiro, 21 fevereiro e 6 e 20 de março 2020

    Este clube de escrita criativa tem como objetivo fomentar desde cedo nos jovens o prazer pela escrita. Será um espaço de troca de experiências e criações literárias em que o gosto pela leitura será também bem marcado.

  • A não perder

    Histórias na Quinta

    25 de janeiro

    Como novidade nos ateliês, a Quinta Pedagógica irá iniciar uma nova atividade de sábado, as “Histórias na Quinta”, onde a Biblioteca Municipal vem à Quinta ler histórias.

  • A não perder

    Em janeiro na Casa Manuel Teixeira Gomes

    11 a 31 de Janeiro

    Em janeiro assinala-se na Casa Manuel Teixeira Gomes o bicentenário do nascimento do Báb - uma das figuras centrais da Fé Bahá'í - que preparou o mundo para a vinda de Bahá'u'lláh, o prometido de todas as épocas. Em apenas 6 anos, o impacto que a Sua vida e obra geraram foi tal que, 200 anos depois, milhões de pessoas no mundo inteiro desejam celebrar e homenagear a Sua vida e Missão.|| Consulte também a restante programação.

  • A não perder

    Músicas às Terças | Audições comentadas por João Miguel Cunha

    Janeiro a março 2020

    De forma a abordar temas que despertem o público para uma audição mais consciente da música, João Miguel Cunha propõe-se comentar semanalmente obras de grandes compositores, com o suporte de vídeo e áudio. Os assistentes serão exortados a colaborar, colocando perguntas ou expressando ideias ou emoções, no sentido de se criar uma verdadeira tertúlia.

  • A não perder

    Exposição da 19ª Corrida Fotográfica de Portimão

    7 de dezembro a 12 de abril 2020

    A exposição dos trabalhos premiados da 19ª Corrida Fotográfica de Portimão, maior maratona fotográfica a sul do Tejo – bem como a entrega dos prémios aos vencedores, está marcada para sábado, dia 7 de dezembro, às 17h00, no Museu de Portimão e estará integrado no programa oficial das Comemorações do Dia da Cidade de Portimão.

  • A não perder

    Exposição "Estuários" de Arlindo Arez

    Até 23 de fevereiro

    Nesta exposição, o público tem a oportunidade de experienciar o trabalho desenvolvido recentemente por Arlindo Arez, artista conterrâneo e contemporâneo, de reconhecimento internacional. O tema da exposição - ESTUÁRIOS - pretende enquadrar estes trabalhos, abstratos, por conceção, numa linhagem histórica de pintura de paisagem, reinterpretada, como é claro, num registo identificável numa corrente de Expressionismo Abstrato.

  • A não perder

    Hora de Conto com Autores “A aventura da pulguinha Aurora”

    1 de fevereiro

    Aurora é uma pequena pulga que se perde dos seus pais e embarca numa aliciante aventura para encontrar o caminho de volta a casa. Junta-te a ela nesta viagem e ajuda-a a decifrar o enigma que a levará ao encontro da sua família.

  • A não perder

    Rui Sinel de Cordes - "O Início"

    15 fevereiro

    O Início", com data marcada para 15 de fevereiro, relata a história da Humanidade até 2020, vista pelos olhos de Rui Sinel de Cordes como ele acha que tudo aconteceu.

  • A não perder

    Start Work V

    5, 6 e 7 de março

    A “Start Work” volta a reunir empresas e instituições públicas e privadas da região, com atendimento presencial aos visitantes, num certame que visa promover a divulgação de ofertas de emprego e estágios profissionais, programas e medidas de apoio ao investimento, formação profissional, ensino secundário regular e profissionalizante e ensino superior, disponibilizadas por empresas e instituições de ensino públicas e privadas, politécnicas e universitárias existentes no município e região do Algarve.

  • Concerto para Piano e Orquestra de Saint-Saëns
  • Seminário
  • I Jornadas de Enfermagem de Cirurgia Colorrectal do Algarve
  • 4ª edição dos “ENTRELAÇADOS”
  • Música p’ra nanar na Biblioteca
  • Clube de Escrita Criativa para Jovens
  • Histórias na Quinta
  • Em janeiro na Casa Manuel Teixeira Gomes
  • Músicas às Terças | Audições comentadas por João Miguel Cunha
  • Exposição da 19ª Corrida Fotográfica de Portimão
  • Exposição
  • Hora de Conto com Autores “A aventura da pulguinha Aurora”
  • Rui Sinel de Cordes -
  • Start Work V

O Serviço Municipal de Proteção Civil, em articulação com as juntas de freguesia de Portimão e Mexilhoeira Grande, definiu sete aglomerados populacionais referenciados como áreas de risco face ao perigo de incêndio rural - Arão, Monte Canelas, Montes de Cima, Porto de Lagos, Rasmalho, Senhora do Verde e Vale Juncal – onde implementou os programas “Aldeia Segura” e “Pessoas Seguras”.

O programa “Aldeia Segura”, que consiste na segurança de cada aglomerado, arrancou em janeiro passado, com uma campanha massiva na defesa do espaço rural, que incidiu na obrigatoriedade de proprietários de procederem à limpeza dos espaços rurais e implementarem faixas de proteção em torno das suas habitações, complementado pela ação da câmara na criação de uma faixa de 100 metros entre a floresta e as povoações, incitando as entidades responsáveis no que concerne às vias rodoviárias e ferroviárias, e junto a cabos de média, alta e muito alta tensão.

O programa “Pessoas Seguras”, que pretende aumentar a resiliência das populações contra os incêndios rurais, e encontra-se, de igual modo, a ser implementada a nível nacional, está a ser preparada desde o inicio do ano em Portimão e arrancou na passada quinta-feira, 7 de junho, com a apresentação oficial dos “Oficiais de Segurança Local” e respetivos substitutos, responsáveis por alertar a população e dinamizar a sensibilização dos seus concidadãos, zelando pela evacuação dos aglomerados em caso de perigo, de acordo com os caminhos sinalizados para locais de refúgio seguros, antecipando a chegada dos meios de socorro.
A estes “Oficiais de Segurança Local” foi entregue um equipamento individual que os identifica em situações de emergência.

Seguem-se duas ações de sensibilização e esclarecimento abertas à população em geral, que terão lugar nos dias 17 de junho, pelas 16h00, na Casa de Pasto Riba e Serra, no Rasmalho, e no dia 23 de junho, 11h00, no Restaurante Fonte da Pedra, no Monte Canelas, e no final do presente mês está, ainda, agendado um exercício de âmbito municipal que pretende testar o aprontamento do dispositivo de resposta a incêndios rurais em Portimão, e testar os procedimentos de emergência e evacuação da população em cada aldeia.

De referir que, no âmbito destes programas foram em janeiro passado implementados estruturas de comunicação outdoor nas zonas rurais de Porto de Lagos, Penina, Montes de Cima, Figueira, Pereira e Mexilhoeira Grande, e levada a efeito uma distribuição massiva de folhetos em pontos-chave de frequência dos residentes nestas zonas, e até final de junho, serão de igual forma implementados pórticos em áreas estratégicas, com informação pública sobre o risco, com recomendações e procedimentos para a população.

Os programas “Aldeia Segura” e “Pessoas Seguras” surgem do protocolo assinado entre a Autoridade Nacional de Proteção Civil, a Associação Nacional e Municípios Portugueses e a Associação Nacional de Freguesias, e tem como objetivos incentivar à participação das populações e reforçar a consciência da responsabilidade partilhada, contribuir para a salvaguarda de pessoas e bens, e implementar estratégias de proteção para aglomerados populacionais.

 

0
0
0
s2sdefault