• Concerto para Piano e Orquestra de Saint-Saëns

    A não perder

    Concerto para Piano e Orquestra de Saint-Saëns

    Ler mais

  • Seminário EDUCAR...o Quê, Como e Onde?

    A Não Perder

    Seminário EDUCAR...o Quê, Como e Onde?

    Ler mais

  • 4ª edição dos “ENTRELAÇADOS”

    Notícias

    4ª edição dos “ENTRELAÇADOS”

    Ler mais

  • A não perder

    Concerto para Piano e Orquestra de Saint-Saëns

    25 janeiro

    O pianista António Rosado interpretará o Concerto n.º 2 para Piano e Orquestra de Saint-Säens, um famoso ilustre desconhecido do público algarvio. A Orquestra Académica Metropolitana de Lisboa, sob a direção de Jean-Marc Burfin, acompanhará o solista neste concerto.

  • A não perder

    Seminário "Educar... o quê, como e onde?"

    30 janeiro

    Com o objetivo de perspetivar a inclusão e flexibilidade da escola enquanto promotora de melhores aprendizagens, a Câmara Municipal de Portimão organiza no dia 30 de janeiro o seminário “Educar… o quê, como e onde?”, que juntará no TEMPO – Teatro Municipal de Portimão alguns especialistas nacionais em diversos temas.

  • Notícias

    I Jornadas de Enfermagem de Cirurgia Colorrectal do Algarve

    30 e 31 janeiro

    Organizado pelo Grupo de Cirurgia Colorrectal da Unidade de Portimão do Centro Hospitalar Universitário do Algarve (CHUA) em parceria com consórcio Algarve Biomedical Center (ABC), e com o apoio da Câmara Municipal de Portimão, as I Jornadas de Enfermagem de Cirurgia Colorrectal do Algarve é um evento técnico-científico que irá reunir no auditório do Museu de Portimão dezenas de profissionais de enfermagem, promovendo a partilha de conhecimentos e experiências, nesta área específica.

  • Notícias

    4ª edição dos “ENTRELAÇADOS”

    7 a 16 de fevereiro

    A 4ª edição do “Entrelaçados - Festival de Dança Contemporânea” decorre de 07 a 16 de fevereiro de 2020, em Portimão, Lagos e Silves e trará consigo espetáculos de dança contemporânea, que contam com nomes como Miguel Ramalho, Gustavo Oliveira ou a Companhia de Dança de Almada, assim como performances de rua e de novo circo, uma exposição de fotografia sob o tema “Algarve, Dança e Arte” e uma prova de vinhos.

  • A não perder

    Música p’ra nanar na Biblioteca

    8 fevereiro, 14 março, 4 abril e 13 junho

    Nestas sessões de música pretende-se proporcionar à criança momentos lúdicos que o irão preparar para futuramente entender melhor a música, expressando as suas próprias ideias musicais de forma autónoma e independente.

  • A não perder

    Clube de Escrita Criativa para Jovens

    24 janeiro, 21 fevereiro e 6 e 20 de março 2020

    Este clube de escrita criativa tem como objetivo fomentar desde cedo nos jovens o prazer pela escrita. Será um espaço de troca de experiências e criações literárias em que o gosto pela leitura será também bem marcado.

  • A não perder

    Histórias na Quinta

    25 de janeiro

    Como novidade nos ateliês, a Quinta Pedagógica irá iniciar uma nova atividade de sábado, as “Histórias na Quinta”, onde a Biblioteca Municipal vem à Quinta ler histórias.

  • A não perder

    Em janeiro na Casa Manuel Teixeira Gomes

    11 a 31 de Janeiro

    Em janeiro assinala-se na Casa Manuel Teixeira Gomes o bicentenário do nascimento do Báb - uma das figuras centrais da Fé Bahá'í - que preparou o mundo para a vinda de Bahá'u'lláh, o prometido de todas as épocas. Em apenas 6 anos, o impacto que a Sua vida e obra geraram foi tal que, 200 anos depois, milhões de pessoas no mundo inteiro desejam celebrar e homenagear a Sua vida e Missão.|| Consulte também a restante programação.

  • A não perder

    Músicas às Terças | Audições comentadas por João Miguel Cunha

    Janeiro a março 2020

    De forma a abordar temas que despertem o público para uma audição mais consciente da música, João Miguel Cunha propõe-se comentar semanalmente obras de grandes compositores, com o suporte de vídeo e áudio. Os assistentes serão exortados a colaborar, colocando perguntas ou expressando ideias ou emoções, no sentido de se criar uma verdadeira tertúlia.

  • A não perder

    Exposição da 19ª Corrida Fotográfica de Portimão

    7 de dezembro a 12 de abril 2020

    A exposição dos trabalhos premiados da 19ª Corrida Fotográfica de Portimão, maior maratona fotográfica a sul do Tejo – bem como a entrega dos prémios aos vencedores, está marcada para sábado, dia 7 de dezembro, às 17h00, no Museu de Portimão e estará integrado no programa oficial das Comemorações do Dia da Cidade de Portimão.

  • A não perder

    Exposição "Estuários" de Arlindo Arez

    Até 23 de fevereiro

    Nesta exposição, o público tem a oportunidade de experienciar o trabalho desenvolvido recentemente por Arlindo Arez, artista conterrâneo e contemporâneo, de reconhecimento internacional. O tema da exposição - ESTUÁRIOS - pretende enquadrar estes trabalhos, abstratos, por conceção, numa linhagem histórica de pintura de paisagem, reinterpretada, como é claro, num registo identificável numa corrente de Expressionismo Abstrato.

  • A não perder

    Hora de Conto com Autores “A aventura da pulguinha Aurora”

    1 de fevereiro

    Aurora é uma pequena pulga que se perde dos seus pais e embarca numa aliciante aventura para encontrar o caminho de volta a casa. Junta-te a ela nesta viagem e ajuda-a a decifrar o enigma que a levará ao encontro da sua família.

  • A não perder

    Rui Sinel de Cordes - "O Início"

    15 fevereiro

    O Início", com data marcada para 15 de fevereiro, relata a história da Humanidade até 2020, vista pelos olhos de Rui Sinel de Cordes como ele acha que tudo aconteceu.

  • A não perder

    Start Work V

    5, 6 e 7 de março

    A “Start Work” volta a reunir empresas e instituições públicas e privadas da região, com atendimento presencial aos visitantes, num certame que visa promover a divulgação de ofertas de emprego e estágios profissionais, programas e medidas de apoio ao investimento, formação profissional, ensino secundário regular e profissionalizante e ensino superior, disponibilizadas por empresas e instituições de ensino públicas e privadas, politécnicas e universitárias existentes no município e região do Algarve.

  • Concerto para Piano e Orquestra de Saint-Saëns
  • Seminário
  • I Jornadas de Enfermagem de Cirurgia Colorrectal do Algarve
  • 4ª edição dos “ENTRELAÇADOS”
  • Música p’ra nanar na Biblioteca
  • Clube de Escrita Criativa para Jovens
  • Histórias na Quinta
  • Em janeiro na Casa Manuel Teixeira Gomes
  • Músicas às Terças | Audições comentadas por João Miguel Cunha
  • Exposição da 19ª Corrida Fotográfica de Portimão
  • Exposição
  • Hora de Conto com Autores “A aventura da pulguinha Aurora”
  • Rui Sinel de Cordes -
  • Start Work V

Os exercícios setoriais têm lugar este sábado de manhã, 7 de julho, no âmbito dos programas “Aldeia Segura” e “Pessoas Seguras”.

Este sábado de manhã, 7 de julho, a partir das 7h30, tem lugar um simulacro em duas das sete aldeias onde estão a ser implementados os programas “Aldeia Segura” e “Pessoas Seguras”.
O simulacros, que vão testar o aprontamento do dispositivo de resposta a incêndios rurais em Portimão, bem como testar os procedimentos de emergência e evacuação da população, e treinar a articulação entre a Proteção Civil Municipal e os Oficiais de Segurança Local, tem início marcado para as 7h30 e envolverá a participação de mais de 50 operacionais, entre membros da Proteção Civil Municipal, Bombeiros de Portimão, GNR, Sapadores Florestais e Juntas de Freguesia.

O cenário envolve dois incêndios que deflagrarão em zonas de mato no Arão (freguesia da Mexilhoeira Grande) e no Porto de Lagos (freguesia de Portimão) e que obrigarão à evacuação preventiva destas populações (às 10h30 no Arão, e pelas 11h00 no Porto de Lagos), pretendem, de igual forma, testar os percursos de evacuação e os locais de refúgio recentemente criados e identificados nos aglomerados populacionais.
Com estes dois simulacros, que são os primeiros de um total de sete que vão ser levados efeitos, um em cada aldeia, o Município de Portimão termina a implementação dos seus programas “Aldeia Segura”, que arrancou em janeiro passado, com uma campanha massiva na defesa do espaço rural, e “Pessoas Seguras”, que arrancou em junho passado, com a apresentação oficial dos “Oficiais de Segurança Local” e respetivos substitutos, e instalação de pórticos informativos e sinalização para locais de refúgio em cada aglomerado.

Conforme noticiado anteriormente, os programas “Aldeia Segura” e “Pessoas Seguras” foram implementados em sete aglomerados populacionais do concelho – Arão, Monte Canelas, Montes de Cima, Porto de Lagos, Rasmalho, Senhora do Verde e Vale Juncal – e com estas atividades o Município de Portimão pretende testar a organização interna e capacidade de resposta a emergências deste género, servindo este tipo de exercício para corrigir erros e identificar eventuais necessidades de melhoria face aos riscos existentes, assim como para validar operacionalmente os procedimentos e planos de evacuação implementados.

 

0
0
0
s2sdefault