Exposição “Fotografias do avô e da neta” de José Garrancho e Júlia Candeias Garrancho

8 a 29 abril
 

Esta mostra é fruto de um desafio lançado na inauguração da referida exposição, o qual avô e neta aceitaram com agrado, principalmente pelo prazer de fazer, novamente, algo em conjunto, como já tinham feito, ainda nos tempos da pré-primária, no Fojo, com livros de contos.

AVÔ
José Garrancho tem 67 anos e deu os primeiros passos na fotografia aos 13, na era do analógico.
Tudo era muito mais difícil e caro, nessa época, porque cada disparo custava dinheiro. E só se fotografava a preto e branco. Adquiriu a sua primeira câmara reflex em 1971, em Angola, com o salário de furriel miliciano. Durante anos, teve uma atividade fotográfica muito irregular, com períodos intensivos e longas pausas. Em 2002, descobriu a fotografia digital e nunca mais parou, trazendo quase sempre uma câmara consigo. Já conta com várias exposições individuais e participações em coletivas, mas continua a considerar a fotografia apenas como um dos seus hobbies.

NETA
Júlia Candeias Garrancho tem 10 anos, está no 4º ano e, desde muito pequena, com 5/6 anos, mostrou interesse e jeito para a fotografia, gostando de fotografar com o avô. Nas últimas férias de Natal, num passeio com os avós a Odeleite, fez uma reportagem fotográfica que deu origem a uma exposição, na biblioteca da escola EB1/JI Major David Neto, no passado mês de Fevereiro, que agradou quem a visitou.

Icons Nao Perder Quando 1
8 a 29 abril de 2017 l 10h00-18h00
Icons Nao Perder Onde 1
Casa Manuel Teixeira Gomes
Icons Nao Perder Valor 1
Entrada gratuita
Icons Nao Perder MaisInfo 1

282 480 488

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Segunda a sexta, das 10h00 às 18h00. Encerra ao sábado e domingo.

 

Email

0
0
0
s2sdefault