Cinco formas de morrer de amor - Do amor à morte

11 fevereiro
 

Um espectáculo operático por Catarina Molder.

Quem morre mais de amor ou quem se sacrifica mais por amor na ópera, na literatura e na vida são mulheres. Elas expiam os males do mundo. A morte mais bela (se é que a morte pode ser bela, todos precisamos de acreditar que sim...), a catarse perfeita é a morte por amor. A morte amorosa suscitou o repertório mais marcante do mundo da ópera desde o seu nascimento até aos nossos dias, bem como repertório de câmara notável. Na ópera morre-se a cantar, outra catarse perfeita – o canto da morte. Este espetáculo traça o percurso de uma mulher que morre continuamente de amor, até à exaustão suprema. O amor fá-la viver de novo, para morrer outra vez. Um eterno retorno. Um eterno sacrifício, onde todos os músicos participam. Quem vence no final? O amor ou a morte?

Em palco, a intérprete e soprano Catarina Molder faz-se acompanhar pelo Quarteto Ensemble MPMP, num espetáculo músico-cénico de ópera contemporânea com sonoridades desde o pós-Romantismo de Ernest Chausson à música pop dos Clã.

 

 

Saiba mais sobre esta iniciativa »»

Icons Nao Perder Quando 1
11 fevereiro 2023 21:00
Icons Nao Perder Onde 1
TEMPO -  Teatro Municipal de Portimão
Icons Nao Perder Valor 1

20,00€

Bilhetes disponíveis em tempo.bol.pt 

Icons Nao Perder MaisInfo 1

 

282 402 475 l 961 579 917

teatromunicipaldeportimao.pt