Beta Talk de abril lança um olhar empreendedor sobre a revitalização dos centros antigos das cidades

No espírito da IV Semana da Reabilitação Urbana que está a decorrer em Portimão, a Beta Talk deste mês,  vai olhar os centros antigos das cidades numa perspetiva empreendedora, através de novas ideias, negócios e apostas ganhas na revitalização das zonas históricas de cidades como Faro e Portimao.

 É já na próxima segunda-feira, pelas 19h00, no habitual espaço do Café Concerto do TEMPO- Teatro Municipal de Portimão que terá lugar uma conversa inspiradora com Nuno Almeida Fernandes e Diogo Perry, co-fundadores do hostel Casa d’Alagoa e Hostellicious e Michael Caixinha, co-fundador e atual proprietário da Casa da Tocha. 

 

Nuno Almeida Fernandes e Diogo Perry são amigos desde da Faculdade- ISG, onde se licenciaram em Gestão de Empresas, deixaram a capital e rumaram a sul para, em conjunto, com mais um sócio, em agosto de 2011, abrirem aquele que seria o primeiro hostel da cidade de Faro, o Casa d'Alagoa. Um edifício com mais de 200 anos, localizado no coração da cidade, em avançado estado de degradação, ganhou uma 2ª vida, viu ser recuperado o seu nome original, mantida a sua traça original e o ano passado foi considerado o nono melhor do Mundo pelos prémios ‘Hostel of the Year’. A aposta na cidade de Faro seria reforçada em 2017, quando os dois resolveram abrir, aquele que será o maior hostel do Algarve com 150 camas- o Hostellicious.
O Nuno para além da licenciatura, é pós-graduado em Marketing e Negócios Internacionais pelo INDEG-ISCTE. Começou a trabalhar no Jornal de Negócios, passou pela Tempus Internacional, SIC, TNS Euroteste e foi Diretor de Marketing e Vendas na Check-House antes de se mudar para o Algarve e, em 2009, começar a procurar oportunidades no mercado turístico local.

Diogo Perry enveredou por uma carreira internacional desde cedo, passando pela Suíça, Alemanha, Áustria e Espanha. Especializou-se na área da grande distribuição e posicionamento da marca em locais de compra por impulso. Foi responsável nacional de operações, na grande distribuição da Refrige Coca-Cola. Investiu e foi fundador do Hostel Alfama Patio em Lisboa, nos momentos iniciais da proliferação dos Hostels em Portugal, em 2007.

Michael Caixinha é um algarvio nascido em Colónia, na Alemanha. Aos 8 anos vem para Portimão, terra dos seus avós onde vive a sua juventude até ir para a Universidade, em Lisboa, onde frequenta o curso de Direito na Universidade Autónoma. Permanece na capital durante sete anos, não só a estudar como também a trabalhar- foi responsável pela compra de música alternativa, jazz e eletrônica na Valentim de Carvalho e colaborador do Reader’s Digest, entre outras incursões profissionais.

De volta a Portimão, em 2002, faz parte da criação do bar “ Marginália”, um espaço alternativo de entretenimento noturno na zona antiga da cidade. Paralelamente, começa a dedicar-se à exploração de empreendimentos turísticos, um negócio familiar que hoje ganha uma nova escala com o projeto Algarve Connected, um site que apresenta várias ofertas de alojamento local e atividades turísticas complementares existentes na região.

Em 2013, com a sua visão e espírito empreendedor e, em parceria com um amigo, lança um novo olhar sob o centro histórico da cidade e dá vida à Casa da Tocha. Um edifício devoluto há mais de 20 anos, que depois de 2 anos de obras de remodelação e sem esquecer as suas origens, faz nascer algo novo em Portimão, abrindo as suas portas como Hostel, Taberna e Loja. Um espaço de pernoita, que serve refeições, petiscos e acima de tudo momentos especiais. Porque acredita na importância e no potencial da revitalização dos centros das cidades, tem na calha mais um projeto para Portimão que passa pela abertura de um inovador espaço de restauração “crudívoro”.

Mais do que um evento com data e hora marcada (sempre a 16 de cada mês, ao final da tarde), a Beta Talk de Portimão tornou-se desde julho de 2012 num ponto de encontro para gente empreendedora e um movimento inspirador, promovendo no ambiente informal e descontraído do Café Concerto do TEMPO - Teatro Municipal de Portimão os contactos e a partilha de experiências.

A entrada como é habitual na Beta Talk Portimão é livre mas sujeita a inscrição prévia através de https://tinyurl.com/betatalkportimao-abril2018 enquanto o wine-break é por conta de quem vem, pelo que os participantes são convidados a trazer vinho (ou sumo) e snacks para partilhar.

De referir que a Beta Talk é uma iniciativa promovida pela Beta-i - Associação para a Promoção do Empreendedorismo e da Inovação e tem organização local a cargo da Câmara Municipal de Portimão, contando com a parceria media do “Sul Informação” e a colaboração da Escola Secundária Poeta António Aleixo, ao nível do Curso de Multimédia, que assegura a cobertura fotográfica, da Universidade do Algarve através do CRIA - Centro Regional de Inovação do Algarve/Divisão de Empreendedorismo e Transferência de Tecnologia, da ANJE – Associação Nacional de Jovens Empresários, da NERA – Associação Empresarial da Região do Algarve, da rádio universitária RUA FM, da APGICO - Associação Portuguesa de Criatividade e Inovação, do GAIM – Gabinete Académico de Investigação e Marketing e da Inesting, além da página Algarve Emprego em termos da divulgação.

 

Email

0
0
0
s2sdefault